Mama /// Ganhe ingressos para o novo terror produzido por Guillermo del Toro

Depois que o pai assassina a mãe de Victoria e Lilly, as duas acabam sozinhas em uma cabana no meio da floresta e lá permanecem por 5 anos. Quando reaparecem, não há explicação para como conseguiram sobreviver tanto tempo sozinhas. O problema, justamente, é que talvez elas não tenham permanecido sozinhas durante todo esse tempo. Quando são adotadas por seu tio, continuam conversando com uma misteriosa entidade que chamam de “Mama”.

mamaimagem

Produzido por Guillermo del Toro (O Labirinto do Fauno, Hellboy) e dirigido pelo argentino Andrés Muschietti, o filme mostra justamente que “amor de mãe é para sempre”, mesmo que isso possa vir acompanhado de uma dose sobrenatural de terror e suspense. Confira o trailer abaixo e fique com os meus parabéns se ele não te deixar com um frio na espinha.

O filme estreia por aqui no dia 5 de abril e tem o selo de qualidade de Guillermo del Toro, que não é só um dos melhores cineastas da atualidade, mas também um mestre do terror psicológico. Ao contrário de muitos por aí, Del Toro não produz ou dirige filmes cheios de efeitos sonoros que induzem ao medo, mas cria uma atmosfera assustadora que envolve o espectador em um universo onde tudo pode acontecer. Só para ter uma ideia, entre os longas que Del Toro produziu estão O Orfanato e Os Olhos de Julia, dois dos filmes mais tensos dos últimos anos.

Fique também de olho na fanpage oficial do filme para informações, fotos e vídeos exclusivos da produção.

Ganhe ingressos para o filme

Quer conferir o filme no cinema? Então é só deixar um comentário abaixo, contando a história mais inusitada que você conhece sobre “amor de mãe”. Vamos sortear 5 dessas histórias para ganhar um par de ingressos cada. Então não perca tempo, deixe sua história abaixo e participe!

E atenção, os comentários precisam ser aprovados antes de aparecer na página, então não se assuste se ele demorar um pouquinho a aparecer por aqui, ok? 😉

Compartilhe
Comente
  • http://www.facebook.com/FLPMARKS Phyllipe Marks Leen

    Achei interessante o Trailer e o enredo. Pena que não gosto do gênero terror psicológico!
    Sou cagão! Não curto esse tipo de terror! Rsrs

  • Alex

    amor verdadeiro de mãe é quando uma avó faz esse papel como se ela mesma fosse a mãe biologia, esse sim acredito ser um dos amores de mãe verdadeiros.

  • TAI

    Amor de mãe só quando se é mãe sabe-se como é. coisas tipicas de mãe: tu só vai saber como me sinto quando tu for mãe, eu te disse para levar casaco, tu passou frio né?! eu te avisei para nao fazer. tu viu como eu tinha razão.tudo que eu faço é para o teu bem.quando eu te bati doeu mais em mim do que em ti (essa é dificil de acreditar, mae tem mão pesada). cada mãe é única mas entre elas há muitas semelhanças e a principal é o amor pelo filho.

  • Ray Ç

    “Mama /// Ganhe ingressos para um dos filmes mais assustadores dos últimos tempos”
    Não achei, não. ¬¬

  • http://twitter.com/TatiSant TatiSant (@TatiSant)

    Eu gostei muito do filme e da estória, mas o valor que eu dou principalmente é para mulher do tio das meninas, sobre como ela luta pelas garotas e o amor maternal que vai surgindo nela ao longo do filme e claro o próprio tio. Já o fantasma da louca que acompanha as meninas não merece credito nenhum,. Um mal espirito, egoísta e malvado que não quer o bem das garotas, apenas quer elas pra si. Vi um pouco de drama no filme e goste bastante, recomendo

  • Flavia Oliveira

    Olá, o meu conto é uma lenda urbana japonesa, chama-se “a moça que comprava doces”

    Certa noite, após a lojinha de doces ser fechada, o dono sente uma batina na janela e ao atender encontra uma jovem mulher de rosto pálido e cabelos descuidados.
    “- Me dê balas por favor…” Ela disse enquanto oferecia um centavo de zeni.
    O doceiro achou estranho, mas como a jovem pedia num sussurro com um profundo ar de tristeza, ele lhe vende as balas. Na outra noite a mulher volta a aparecer com a mesma frase: “-Me dê balas por favor…”. E assim em diante, porém, em uma noite ela lhe disse:
    “- Eu não tenho mais dinheiro. Por favor, o senhor poderia me dar as balas em troca deste haori (Kimono)?”
    O doceiro sente pena da mulher que aceita a sua oferta e lhe entrega as balas em troca do casaco. No dia seguinte, o doceiro põe a peça para secar. Um homem que estava passando na rua vê, entra na lojinha e diz:
    “- Esse agasalho estava no caixão de minha filha morta há alguns dias atrás. Onde o conseguiu?”
    Ao ouvir isso o doceiro assustado conta sobre a mulher que vinha comprar balas todas as noites.
    O senhor também fica muito surpreso e junto com o doceiro, seguem até a tumba da filha onde lá eles ouvem o choro de um bebê vindo da sua cova.
    Eles desenterram e encontram um menino recém nascido do cadáver da mulher que o mantinha em seus braços e em suas mãos, estavam às balas da lojinha.
    O Homem conclui: “- Tinha a certeza de que o filho que ela esperava para havia morrido com a mãe e a enterrei assim mesmo.”
    Ao retirar o bebê da cova diz a filha: “- Eu vou cuidar muito bem desta criança como se você o tivesse criado.” e nesse momento, como que concordando o cadáver que olhava rígido para o céu até então, finalmente deixa cair à cabeça em descanso.

    Amor de mãe é eterno!
    Obrigado, espero q gostem!! =D

  • Juliane

    Espera mais do filme.

  • Juliana Damião

    Essa é uma história que minha avó contava pra mim, quando eu era criança…

    Era uma vez, uma mulher que sempre quiz ter um filho, até que um belo dia engravidou e era um menino exatamente como ela sonhava. Ela fazia tudo por esse filho, tudo o que ele queria ela atendia prontamente, mesmo sendo uma mulher viuva e de poucos recursos.
    O filho cresceu e conheceu um moça muito bonita, mas também muito exigente e ciumenta. Eles se casaram e a esposa fazia de tudo para separar o marido da mãe.
    Vendo que nada do que fizesse era suficiente para que a mãe desistisse do filho, ela pediu ao marido uma prova de amor. E disse:

    – Querido, se você realçmente me ama, você me dará uma prova desse amor na próxima hora. Você me trará o coração de sua mãe em uma hora, ou então irei embora e nunca mais me verá.

    O homem ficou desesperado, não sabia o que fazer, ficou dividido entre o amor incondicional de sua mãe e o amor de sua vida,
    Como se para iludir a si mesmo, pensou que sua mãe já era idosa e que sentia falta do esposo, então se a matasse estaria lhe fazendo um favor. E essa foi sua decisão e explicação que deu a sua mãe quando lhe deu uma facada no peito.

    O tempo estava passando e ele tinha apenas 20 minutos para retornar e entregar o coração de sua mãe para a amada, então ele correu o máximo que pôde, até tropeçar numa pedra e cair em cima de um pedaço de madeira pontudo que perfurou seu pulmão.
    O coração da mãe saiu rolando da bolsa que estava em seu pescoço e quando não estava mais aguentando lutar para se levantar e estava quanse se rendendo, ele ouviu a voz de sua mãe vindo do coração e dizendo:

    – Meu filho , meu amor, machucou-se??

  • Eduardo

    FILME HORRÍVEL!

  • http://www.facebook.com/alex.junior.1293 Alex Júnior

    Quando eu era mais novo, frequentava muito uma fazenda que pertencia, na época, à minha família. Nela viviam pessoas que cuidavam do lugar, e dentre elas uma família composta por uma mãe e suas duas filhas.
    Certo dia, quando um circo passava pela região, a mãe resolveu levar as meninas que ela tanto amava e cuidava para ver os animais, os palhaços, mágicos e trapezistas. As meninas se encantaram com os palhaços e após o show, foram ao trailler dos mesmos para pedir um autografo e um nariz de palhaço.
    Ao chegarem foram muito bem tratadas pelos palhaços que atenderam seu pedido, autografando as bonecas que elas levavam nas mãos, porém disseram que não poderiam dar a elas os narizes, pois eram muito pobres e aqueles eram os únicos que tinham. Porém, dois palhaços insistiam em dizer que as meninas eram lindas, e que teriam grande futuro no circo caso quisessem seguir com eles. A mãe logo os repreendeu e levou as meninas embora.
    Nessa madrugada, a mãe escuta a janela do quarto das filhas ranger, ao ir ao local ver o que aconteceu, depara com as camas das meninas vazias, apenas com um nariz de palhaço em cima de cada travesseiro. Pelo susto e pela tristeza, a pobre mulher morreu ali mesmo enquanto gritava “Eu vou esperar por vocês minhas filhas”.
    Esse caso aconteceu a 20 anos, e desde então é possível escutar os choros da mãe esperando pelas filhas sempre que se dorme no chalé 13 da fazenda Esmeralda, em Bela Vista de Goiás.

  • bruno souza portugal

    quando fui viajar de avião pela 1 vez, a minha mãe m disse q havia sonhado q o avião tinha caído, viajei assim msm,

  • https://www.facebook.com/patricia.gimenez.965?ref=tn_tnmn Patricia Gimenez

    Este caso aconteceu nas estradas da minha cidade
    Uma mãe e sua filha viajavam juntas em seu carro. Em uma parte cheia de curvas e bem alta da rodovia, ao freiar, o carro perdeu seu freio e caiu da ribanceira. Ele capotou várias e várias vezes.
    Enquanto isso, próximo ao local do acidente havia um posto da polícia rodoviária. Uma mulher apareceu lá, desesperada, contando sobre o acidente que havia acabado de acontecer e pediu por socorro.
    Ela disse que conseguiu escapar e que a filha estava presa dentro do carro. A mulher estava num estado deplorável, disseram os policiais. Ela indicou o local e eles foram ao resgate da garota. Uma surpresa aconteceu quando os policiais chegaram ao local do acidente: A mulher que os chamou estava morta dentro do carro. A filha foi resgatada com segurança.
    Fico impressionado como o amor verdadeiro de uma mãe pode durar até depois da vida. Eu realmente acredito nesse caso,uma mãe faz de tudo por um filho.

  • Vanessa Barboza

    Amor de mãe percebesse quando ela esqueceu de mim na escola o dia inteiro, e ainda o Diretor da Escola liga para lembra-la que esqueceu uma coisa na Escola, e ela responde ” Não Senhor Diretor, minha filha está a minha frente como posso ter esquecido ela na Escola?”.
    Atenção: Sou Filha Unica.

  • http://deanomundo.blogspot.com.br/ VAMPIRA DEA

    Amor de mae é quando vc era criança , aprontava e ganhava umas palavra e ainda de quebra já parendia a soletrarqundo ela dizia; JÁ DIS-SE PRA VO-CE NAO FA-ZER MAIS IS-SO POR-QUE A-PA-NHA

  • Giuliana Nistico

    Minha mãe me cutucando toda vez que tem algum cara que ela achou bonito olhando pra mim. O problema foi quando ela fez isso no meio de um ônibus, falando alto e o cara que ela queria que eu desse uma olhada, tava de pé e na nossa frente enquanto ela me esmurrava dizendo: Olha, ele tem olhos azuis!

  • Raquel

    Esse filme eh umaaaa bostaa, jah assisti aki onde moro, ( Irlanda) e foi a maior decepcao… porcaria mesmo, soh da susto no trailer pq no filme vc chega a rir no final…

    • Marcos

      Um lixoo,puro marketing feito pelos diretores conceituados.

  • http://www.facebook.com/Angelicat.Born Angelica Silva do Nascimento

    A cena é a seguinte, família reunida na mesa para o almoço de domingo e todos começam a contar histórias da vida, quando minha mãe decide contar isso:
    ” Lembra de quando eu te dei uns tapas porque você estava comendo lixo?”
    “Não mãe, não lembro”
    “Você tinha 3 anos. Não lembra?”
    “Não mãe, não lembro”
    “Aí eu fiquei com dó, me senti culpada e comecei a chorar…?”
    “Não mãe, não lembro”

    De repente minha mãe está chorando, levanta da cadeira, me dá um abraço e pede desculpas…kkkkkkkkk
    …amor de mãe!

  • rodrigo gil diniz

    Amor de mãe é quando ela deixa de jantar comida para dar para o cachorro porque a ração acabou porém parte da comida dos filhos vai junto rsrss

  • https://www.facebook.com/EreeeH RAFAEL RICARDO COELHO SOUSA

    amor de mae, foi quando eu cai de moto antes de eu me levantar 3 chamadas da minha mae,quando eu retorno mesmo antes de eu contar o ocorrido minha mae disse- filho nao sai de moto estou com um presentimento ruim. arrepio ate hoje qnd lembro

  • Guilherme

    Esperava bem mais desse filme. Entretanto, o fato desse amor de mãe ser tão forte é uma boa pedida, mas meu gosto pessoal não é pra isso.

    Bem melhor A Entidade e Possesão, na minha opinião

  • Guilherme

    Uma vez uma mãe foi até a escola onde estudei o Ensino Fundamental para bater em um aluno que havia dado um soco em seu filho. A diretora segurando a mãe em “Frenesi” depois que a mesma havia visto o garoto de 13 anos indo comprar uma coxinha na cantina da escola… hahahaha… “Amor de mãe” as vezes ultrapassa barreiras (diretora).

  • Kristal

    Amor de mãe é quando ela te ama mesmo quando voce faz tudo de errado. Ela te bate e diz “faço isso porque te amo”. quem nunca?

  • KATIA

    Realmente, da um friozinho na espinha, deve ser bão demais!!!

  • Meagan T Pinheiro Leal

    Amor de mae, a cena mais aterrorizante foi minha mãe querendo conversar sobre sexo contando suas aventuras quando eu tinha apenas 14 anos. Sério! Foi uma situacao tensa, fiquei traumatizada e por isso minha vida sexual comecou relativamente tarde em comparacao as minhas colegas, aos 20 anos.

    • tsant

      Essa foi a jogada dela rsrsr, o plano deu certo kkkkkkkkkkkk

  • Leonardo M. Barros

    Amor de mãe só existe um. Seja o que for até o fim, sentimento que só uma mãe pode expressar!

  • Juliana Calaça

    Hmmm, amor de mãe… Se você conhece a logística de um sapato voador enquanto estava aprontando ou recebeu aquela olhada como quem diz “Muleca te coloquei no mundo e posso te tirar dele se você não quietar” você sabe bem o que é isso! kkkkkkkkkkkkkk

  • *-*

    o filme é mto bom… mas o final decepciona

  • Flávia

    sinceramente, não consegui levar UM susto nesse filme….a história é boa, mas as cenas de susto ja são bem manjadas!!

  • Patricia de Castro Medeiros

    O maior sonho da vida de minha mãe era ter filhos. Após alguns anos tentando engravidar, meu pai descobriu não podia ter filhos. Eles partiram então para a adoção. Minha mãe é professora municipal em São Paulo-SP, e comentou com as amigas que gostaria de adotar. Uma das colegas dela falou que tinha uma prima, em Itajaí – SC, que tinha uma empregada doméstica que estava grávida e já tinha uma filha, não tendo assim condições de criar outra criança. Meus pais entraram em contato por telefone com minha mãe biológica. Por toda a gestação, minha mãe pagou pelo pré-natal de minha mãe biológica (que não conheço). Ela não sabia nem se a gravidez era de verdade, nem se minha mãe biológica me entregaria mesmo para ela. Mas resolveu confiar em Deus. Ela não sabia como eu seria fisicamente, se teria algum problema de saúde, e já me amava mesmo assim. Iria me aceitar do jeito que fosse. Eu nasceria por volta de Novembro de 1982, e no dia 17 ligaram para minha mãe, informando sobre meu nascimento. Minha mãe, meu pai e meus avós maternos foram de carro até Itajaí, e conheceram finalmente a mim e a minha minha mãe biológica. Minha mãe levou roupinhas para que eu usasse, pois nem isso eu tinha. Graças a Deus nasci perfeita. E com 3 dias de vida, assim que tive alta do hospital, vim para São Paulo. Devo tudo que tenho à minha mãe, à fé que ela manteve e ao amor incondicional que sentia por mim ainda quando eu estava na barriga. Amo minha mãe, e devo à ela tudo que sou. Isso sim é amor de mãe.

  • Fillipy Constantini

    tem uma assustadora que li recentemente, mas se for parar para pensar, percebe-se que abaixo do grau de macabro e insanidade vemos que foi o “amor” de mãe que a obrigou a fazer isso, Uma mãe indonésia matou afogado o seu filho de 9 anos, preocupada com o futuro do menino por ele ter um pênis pequeno. Para ela, isso afetaria demais a vida do garoto. disse que o menino tinha um pênis pequeno antes de ser circuncidado, mas após a circuncisão, o órgão parecia ter encolhido ainda mais “Ela afogou o filho em uma banheira. Depois o vestiu e colocou seu corpo na cama. Então foi à delegacia para confessar o crime”. De acordo com a polícia, a mulher estava consciente do que havia feito, de acordo com os exames mentais dela, ela não apresentava nenhuma anomalia cerebral, em sua defesa alegou que fez por amor de mae e e disse que só quem tinha filhos poderia entender.

    a historia é verídica se procurar na net vcs achão

  • https://www.facebook.com/carolyne.santos.pires?ref=tn_tnmn Caroline

    Amor de mãe. Assustador, quando as mães de antigamente começam a contar as histórias macabras de quando moravam no sítio kkk era escuro apareciam coisas de vez em quando e os barulhos a noite eu me assusto com essas histórias dela mas amam contar né!

  • jeniffer

    ja assisti, o final e uma bosta ….
    bjus :*

  • http://www.facebook.com/renan.bonani.1?ref=tn_tnmn Renan Bonani

    Amor de mãe, nada se compara a esse poderoso amor que faz ate suas namoradas correrem dele, e como consequencia, nenhuma menina olha mais pra sua cara.

  • Lucas Araujo

    A cara da tua mãe quando descobre que tu matou aula a semana inteira no colégio! Esquece o amor e fica só o terror! hahahaha

  • Pingback: Sweetlinks: Os links mais quentes encontrados na web #022()

  • http://gravatar.com/caumilla Camila da Costa Ferreira

    Amor de mãe, história assustadora…tem coisa mais assustadora que mãe contando seu passado enquanto mostra suas fotos de bebê pelado pra todo mundo da sua festa de aniversário?