Papricast 057 /// Pra onde foi a criatividade de Hollywood?

Você já deve ter notado que, nos últimos anos, praticamente todos os filmes de grande sucesso são adaptações, continuações ou remakes. Mas então onde diabos se meteram as boas produções criadas com exclusividade para o cinema? É a indústria nos empurrando conteúdo pasteurizado ou somos nós que gostamos da familiaridade que uma boa franquia traz? Hoje Marton Santos, Jaison Mafra e Leonardo Santos discutem um pouco sobre os rumos da criatividade em Hollywood enquanto tentam lembrar dos poucos blockbusters com roteiros originais nos últimos anos. Dê o play e venha ouvir mais um episódio de nossa franquia :)

[DOWNLOAD]

Comentado no Episódio

Everything is a Remix
O Fim da Criatividade em Hollywood?

Fale com a gente

Nos mande sugestões, críticas ou reclamações através do papricast@gmail.com, nos comentários do post, no Facebook ou então através de nosso twitter: @paprica_org.

Duração do Programa

63 minutos

ASSINE NOSSO FEED!

Feed, RSS e iTunes: http://feeds.feedburner.com/Papricast Para assinar no iTunes, clique na aba Avançado, e Assinar Podcast. Cole o endereço e confirme. Assim você recebe automaticamente os novos episódios.

 

Compartilhe
Comente
  • http://pilton.tumblr.com/post/36540541601/rei-leao Ivan

    Aí, seus comedores de pipoca!
    Vocês não estavam reclamando que Hollywood não produzia nada de original, tomem Gravidade http://www.imdb.com/rg/s/1/title/tt1454468/#lb-vi2340006169 na cabeça.
    Agora veremos se vocês farão um podcast sobre ele, de preferência ajoelhados no milho em frente a estátua do Oscar e pedindo perdão.
    Ou então vão assistir filme Dinamarquês. http://www.imdb.com/rg/s/1/title/tt2106476/#lb-vi2244519449

  • Funes

    Relação entre Inception e os contos do Borges: http://www.examiner.com/article/inception-and-jorge-luis-borges

  • Funes

    Apenas lembrando que Inception é explicitamente inspirado no imaginário e nas ideias de Jorge Luis Borges (Nolan já reconheceu isto várias vezes). Infelizmente é uma versão piorada das viagens do argentino…

  • Inoue

    “Fala galera”
    Oque ta faltando no cinema e um cara que faça o mesmo que o Stan Lee fez nos quadrinhos.

  • https://plus.google.com/108299130889103176307 Diogo Kitaoka

    O filme que inspirou o Star Wars é o The Hidden Fortress do Akira Kurosawa.
    http://www.imdb.com/title/tt0051808/
    Falow

  • André

    O filme que inspira Star Wars é Fortaleza Escondida de 1958.

  • Bruna Corso

    Não tem mais versão brasileira?? :(

    • http://gravatar.com/thalesrochars Thales Rocha

      verdade, sdds Tony Ramos para todos personagens

  • https://plus.google.com/113614374103367477852 Danilo Miqueias

    Curta metragem baseado em Halo dirigido pelo Neil Blompkamp em 2007.

    Baseado nesse curta, torço que ele dirija uma adaptação de Halo em longa metragem.

  • http://twitter.com/cevalesi Valesi (@cevalesi)

    Fala galera do Papricast!!

    Bom, essa semana fiz minha parte e apresentei o Papricast para um amigo. Ainda não tive notícias dele, mas assim que souber o que aconteceu com o cidadão informo.

    Passei por aqui porque lembrei de uma história sobre Inception (e acabei conhecendo o tal de Paprika). Mas, vocês sabiam que o plot pode ter sido adaptado? E dos quadrinhos? E do TIO PATINHAS???

    http://www.cracked.com/article_19021_5-amazing-things-invented-by-donald-duck-seriously.html

  • Gabriel Delfi

    Fala gente!

    O filme Gigantes de Aço (Real Steel) também é baseado em um conto!
    Steel, do Richard Matheson, o mesmo cara do Eu Sou A Lenda.

    Abraços

  • Thales Rocha

    Tem um artigo bem legal no Cracked de filmes que melhoraram os livros de acordo com os propiros autores. http://www.cracked.com/article_20287_5-movies-that-improved-book-according-to-author.html

  • aj

    foi mal o flod é q deu ruim aqui e eu não sabia se o coment tinha ido

  • aj

    inception não é tão original assim tem uma animação japonesa chamada “Paprica”( q deve te copiado d vcs) e outra não sei se é essa ” A viagem de Chiriro”.

    • http://gravatar.com/donvalleri Zeh

      Eu ia comentar isso, Paprika (com “k”) do falecido diretor Yasutaka Tsutsui é de 2006 e o filme de 2011 do Christopher Nolan copia na cara dura várias coisa da animação. Além do tema, de entrar nos sonhos e tal, o diretor americano replicou cenas de forma quase idênticas. Vejam algumas: http://stayforthecredits.tumblr.com/post/18731199273/bjornstar-inception-vs-paprika Ok, a história dos dois longas é diferente, ai ele poderia entrar naquela classificação “original” do Tarantino, o problema é que são muitas coisas iguais de uma única obra, diferente do Tarantino que tira de uma grande variedade. Não sei também se existe alguma(s) outra(s) fonte(s) (filme, livro, HQ) que serviu de referência para Yasutaka Tsutsui antes e que também foi usada por Nolan, mas só sei que original o Inception não é muito não :)…Recomendo que vejam Paprika, para mim é até mais legal que o filme do Nolan o….minha opinião, a de vocês pode ser diferente xD

    • http://gravatar.com/donvalleri Zeh

      Eu ia comentar isso, Paprika (com “k”) do falecido diretor Yasutaka Tsutsui é de 2006 e o filme de 2011 do Christopher Nolan copia na cara dura várias coisa da animação. Além do tema, de entrar nos sonhos e tal, o diretor americano replicou cenas de forma quase idênticas, eu tinha colocado no comentário um link com algumas, mas provavelmente o bloqueador de spam do site não permitiu, só procurar na internet “Paprika and Inception” que vocês acham. Ok, a história dos dois longas é diferente, ai ele poderia entrar naquela classificação “original” do Tarantino, o problema é que são muitas coisas iguais de uma única obra, diferente do Tarantino que tira de uma grande variedade. Não sei também se existe alguma(s) outra(s) fonte(s) (filme, livro, HQ) que serviu de referência para Yasutaka Tsutsui antes e que também foi usada por Nolan, mas só sei que original o Inception não é muito não :)…Recomendo que vejam Paprika, para mim é até mais legal que o filme do Nolan o….minha opinião, a de vocês pode ser diferente xD

  • aj

    inception não é total original, vejam “paprica” (que coincidência), é uma animação japonesa. q é muito legal, acho q tambem tem um no mesmo estilo acho q é “A viagem de Chiriro”.

  • http://pilton.tumblr.com/post/60015834723/gwynplaine-o-homem-que-ri Ivan

    Achei confuso este episódio, mas do que vocês são no normal.
    Parecia no início que a proposta era criticar a falta de criatividade de Hollywood, mas boa parte do episódio vocês ficavam justificando essa falta, além de, principalmente, ter me deixado a impressão que vocês estavam culpando a indústria pelo erro de vocês, é bizarro acusar a indústria de cinema de excesso de adaptações, esta, do que eu lembro/sei, sempre foi uma grande, senão a principal, fonte de material, desde antes de Nosferatu o cinema já vivia de adaptações, colocar isso como se fosse um problema atual parece um equívoco, agora se você já leu Drácula e está satisfeito com o texto, ótimo, sua mídia é a literatura.
    Eu vou ao cinema pelo Audiovisual, não importa o que eu li, o que me interessa é ver a interpretação que aquelas pessoas que produziram o filme tiveram da obra que me agradou, e eventualmente farei o caminho oposto, irei da tela para o livro, pra criar a minha própria interpretação daquele texto, estou fazendo isso agora com “A Menina Sem Qualidades” série que foi ao ar na MTV há poucos meses.
    Outro ponto, vocês aqui no Papricast criticando Hollywood por falta de criatividade, mas o blog de vocês gira basicamente ao redor de lá, retomando o ponto da culpa de vocês, parece que nos EUA só se faz filme em Hollywood, não ouço vocês falando de nada no cinema feito fora de lá, dentro dos Estados Unidos mesmo, ou fora dele, o que tem de filmes bons e originais sendo feitos na América Latina (Brasil, Argentina, Chile, México…) Na Europa, França, Inglaterra, Espanha, Dinamarca, Alemanha, há filmes muito interessantes na Turquia, Índia, na Coreia, na Tailândia, no Japão…
    Sério, parecia um grupo almoçando, no shopping se enchendo de número 1 com batata frita e refrigerante e reclamando que não dá pra ter uma alimentação saudável hoje em dia, que a Coca é aguada, a batata engorda, que o lanche não tem sabor como antigamente, ignorando as outras 30 opções de lanchonetes, restaurantes e bares ao redor.
    Criatividade por criatividade vocês já falam do que todos falam, e nem estou reclamando, um mclanche feliz de vez em quando também é válido.

    • http://www.paprica.org Marton Santos

      Sim Ivan, você teve a percepção correta. Falamos basicamente do que é pop, do que é de massa. Não vejo um podcast sobre cinema dinamarquês vindo por aí nos próximos, sei lá… 300 anos. E não, não entramos no mérito do cinema independente que continua sua produção cultural basicamente pautada em roteiros originais. Inclusive falamos sobre isso nos primeiros 5 minutos de podcast. A crítica é realmente ao cinema blockbuster, aos grandes hits que antes criavam ícones para a cultura pop e hoje apenas amplificam.

      Indiana Jones nasceu no cinema. Marty McFly e Prof Brown nasceram no cinema. Neo nasceu no cinema. E hoje o cinema de massa não abre mais espaço para o nascimento de ícones como antes. É mais fácil abrir espaço para algo que já tem uma legião de fãs em outras mídias e isso é ruim para o cinema. Adoro (algumas) adaptações e de maneira nenhuma quero que elas parem de existir. Mas transformar todo best-seller e todo videogame em filme já está dando no saco. Se você está satisfeito quando (em um bom ano) assistimos um ou dois blockbusters que não saíram de um livro ou hq que você já leu, de um jogo que já jogou ou então de um filme que já assistiu anos antes… bom, eu não estou. Quero que o cinema seja a casa dos novos Indiana Jones, Terminators, Wall-E’s e não apenas uma plataforma para amplificar um personagem que já existe. Sem cinema dinamarquês, sem cinema coreano, apenas pipoca, mcdonalds e originalidade :)

      • Marcus Vinicius

        Eu até leria oque vocês escreveram.Se não tivesse com sono, claro.Mas concordo plenamente com os dois, continuem assim. (y)
        OBS: Marton, você tem que começar a ser mais sensacionalista com os posts no OCIOSO.
        Ao invés de colocar: A criatividade no cinema acabou? (com uma foto do Deep)
        Tem que colocar algo tipo: Bomba!!! Hollywood por ser fechada por conta da falta de criatividade dos roteiristas. Veja também: Vídeo comprometedor de Anita vaza na internet.(tudo isso com uma foto de uma gostosa de blusa molhada chupando picolé).
        Afinal, vocês querem ou não ficar ricos?
        KKKKKKKKKKKKKKKKKK

        • http://www.paprica.org Marton Santos

          hahahahaha
          Boa, mas prefiro não atrair o ódio do mundo pra minha vida Marcus 😉

      • http://pilton.tumblr.com/post/54674846492/ama-muito-tudo-isso Ivan

        Pois, nem imagino vocês falando de cinema fora de Hollywood, nem vejo nada demais nisto, vocês já deram uma amostra do que são capazes ao falar de Os Cavaleiros do Zodíaco, só achei muito mimimi vocês ficarem reclamando de algo que continua como sempre foi e não vai mudar, Hollywood não faz arte, faz dinheiro, não sei qual a novidade, você citou estes filmes como se fossem realmente originais, ora, são tão originais quanto Star Wars ou Avatar.
        Pedir originalidade em Hollywood é como pedir churrasco com Chimarrão no MacDonald’s, é improvável ser atendido.
        É como falei antes, vocês estão na fila da lanchonete de fast-food reclamando que só tem hambúrguer, batatas e refri. http://www.muranet.com.br/mcdonalds/mcofertas.htm
        Quanto a dizer que falam do que é pop e de massa e ficar só neste nicho, não parece lá muito pop.

        p.s. Seria útil habilitar receber os novos comentários do post por email.

        • http://www.paprica.org Marton Santos

          Eu tô na fila do McDonalds reclamando que tem uma barata no meu Big Mac Ivan. Eu não quero comer comida indiana. Quero meu Big Mac sem barata.

      • http://pilton.tumblr.com/post/54674846492/ama-muito-tudo-isso Ivan

        p.s.2 Moderação prévia de todos os comentários é bem desagradável, é como desconfiar da própria audiência, moderar o primeiro para controlar spam é justo, mas toda vez ter que passar por moderação, pra mim, é um convite para não voltar a comentar.
        É razoável moderar quem se excede, mas restringir todos porque alguns podem abusar acho um tanto exagerado e desconfortável.

        • http://www.paprica.org Marton Santos

          ótimas sugestões Ivan. Acabei de habilitá-las.

      • http://pilton.tumblr.com/post/54674846492/ama-muito-tudo-isso Ivan

        Relaxa, você tá vendo barata onde só tem hambúrguer de carne de minhoca.
        Toma um gole de coca-cola, que a batatinha tá meio salgada
        😉

  • https://www.facebook.com/rudybomba Rodrigo Medeiros

    Olá Marton ( e pessoal do Páprica) falando sobre Jesus é muito bem abordada no filme The Man from Earth (2007) http://www.imdb.com/title/tt0756683/

    A teoria do homem das cavernas é no mínimo inteligente (o termo correto seria a fudê).

    Ele está disponível no Netflix USA (já conhecem o Hola.org ?) e recomendo pela experiência.
    O filme em si é artístico demais para o meu gosto, mas se você superar os primeiros 30 min com certeza vai até o final.

    Abraços!

    Rodrigo Medeiros – Programador – Modelo – Lindo – Rio de Janeiro

  • Alexander Desmouceaux

    E aí galera do Papricast, incrível esse programa!!!
    Sou um grande fã do podcast de vocês, do tipo que ouve 2, 3, 4 vezes os episódios favoritos….
    Venho por meio dessa mensagem recomendar pra vocês o documentário “RIP! A Remix Manifesto” onde é discutido até que ponto o uso de elementos de outras obras é plágio, apropriação ou criatividade, apresentando opinião de legisladores e ativistas. Pessoalmente acredito que a criatividade é baseada sempre nas referencias que temos consciente ou inconscientemente, e que não dá pra fazer a cultura evoluir intelectual e esteticamente sem caminhar pelas estradas abertas pelos criadores anteriores, mas concordo que há MUITO MEDO de arriscar coisas novas no mercado cultural. Porém, é natural que as novas tecnologias permitam que os produtores independentes de conteúdo tentem coisas inéditas com alta qualidade técnica, e essa galera, com o tempo, naturalmente vai ser absorvida e influenciar o mainstream.
    Vamos torcer para que o Neill Blomkamp seja apenas o primeiro de uma leva de novas mentes criadoras.

    Detalhes sobre o filme no link abaixo:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/RIP!_A_Remix_Manifesto

  • Thiago Matias

    Fala galera, aqui é o Thiago, de Aparecida – no interior de SP, 18 anos, e não faço ideia de qual foi o primeiro papricast que eu ouvi, porque a início não estava acostumado com o formato e não achei muito interessante, mas depois que comecei a gostar, e aqui estou todo episódio lançado. To aqui pra tentar puxar o Léo (que vive se jogando num mar lotado de tubarões com duas bóias de braço pra criança) Talvez o filme que você estava falando, que diz-se que George Lucas “baseou”, seja A Fortaleza Escondida de 1953, um filme samurai também, com a história de ajudar uma princesa a iniciar uma rebelião, e tal tal tal. Abraços para vocês, e ótimo papricast, como sempre.

  • THIAGO RATOCK

    Paprica. Acompanho varios Casts e vcs estão indo muito muito bem. Indico vcs para todo mundo que procura algo novo pra escutar, minha namorada ja virou fã de vcs.. um abraço tudo de bom..

  • http://www.dimensaonerd.com Edson Oliveira

    Salve, pessoal.

    Apenas um comentário rápido: O filme que “inspirou” George Lucas para fazer Star Wars foi “A Fortaleza Escondida”, de 1958: Link para o IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0051808/

  • Carlos Santos (parente não próximo e não reconhecido do Marton e Leo)

    Faaaala galera!
    Mais uma vez um excelente podcast, acompanho vocês desde, n tenho certeza, mas acho que é do ep sobre Caverna do Dragão, desde lá divulgo e tento sempre estar participando..
    Conversando aqui com um colega de trabalho, entramos em uma discussão que vimos online, há rumores de que o roteiro de Inception tenha sido inspirado em uma HQ do, pasmem, Tio Patinhas!!
    Não tem mt coisa na internet sobre, mas segue o link com o print da parte da HQ http://www.oesquema.com.br/trabalhosujo/2010/08/11/inception-e-o-tio-patinhas.htm
    Ela foi publicada em 2002, mas isso n prova nada, ja q a ideia do Nolan pode ter vindo antes disso,
    Enfim, n chegamos a nenhuma conclusão, mas resolvi enfiar a dica do debate pra vcs!
    Abraços e mt obrigado pelo excelente trabalho!

  • http://www.seminerd.com.br Wagner Montez – Perth Australia

    Pela primeira vez fui beneficiado com este paprica “overnight”…

    Ainda nem ouvi, mas soh pra ter o prazer de dizer p estupido…FIRST!…ahaha

    Independente do tema jah tenho certeza que vou curtir.

    Abs.

    Wagner
    From: Perth – Australia.