papricast_130

Papricast 130 /// A Vida sem CTRL + Z

Quem nunca se arrependeu quase instantaneamente de algo que fez? Quem nunca começou a contar uma piada e percebeu que ela era altamente imprópria para aquele ambiente e/ou envolvia alguém que está no recinto? Quem nunca fez uma cagada MONUMENTAL e mentalmente pensou “CTRL + Z”. Pois é…  a vida não tem esse recurso, e por isso a gente se ferra inúmeras vezes. Mas é errando que se acumula histórias para contar no Papricast, e o programa 130 está recheado de momentos embaraçosos e temperado com muita vergonha alheia. Dê o play e venha passar vergonha com a gente.


[DOWNLOAD]

Ficha Técnica: Nesse programa Marton SantosLeonardo Santos  e Jaison Mafra querem cavar um buraco no chão e se esconder por 81 minutos.

Patreon Papricast

CLIQUE AQUI E SE ASSOCIE AO PAPRICAST

Camisetas Papricast

Acesse nossa loja no Tanlup para comprar as nossas camisetas 

ASSINE NOSSO FEED!

Feed, RSS e iTunes: http://feeds.feedburner.com/Papricast Para assinar no iTunes, clique na aba Avançado, e Assinar Podcast. Cole o endereço e confirme. Assim você recebe automaticamente os novos episódios.

Compartilhe
Comente
  • Agatha Gonçalves

    CHOREI DE RIR haha
    Muito bom ter “descoberto” vocês.

    Parabéns pelos casts 😉

  • Renata Vargas

    Pessoal, vocês se superam, sério, sem exageros, já ouvi uns 3 podcasts essa semana e foi o Papricast que me divertiu De Verdade :) Obrigada!

  • Matheus Moreira

    Excelente! Hahahahahaha Ri demais com esse cast!
    Seria muito bom nesses podcasts com uma pauta mais solta, mais de humor, chamar uns convidados. O próprio Doug seria excelente nesse cast.

  • http://twitter.com.br/@rudybomba Rodrigo Medeiros

    Excelente podcast como sempre …

    Só fiquei #xatiadú com o Léo que chamou de sacolé a iguaria que na nossa amada São Vicente é conhecida por CHUP-CHUP.

    Eu tenho algumas (muitas) histórias de bebedeira engraçadas … dava para fazer um podcast inteiro. E não me arrependo de nenhuma delas( deixei de beber socialmente há uns 3 anos … agora só bebo antissocialmente em casa ).

  • http://www.aerolitos.com.br Léo Bruski

    Vocês não usavam o Disqus?

    • Marton Santos

      só fizemos um breve teste. Em breve a gente vai trabalhar essa migração definitiva.

  • http://www.aerolitos.com.br Léo Bruski

    Como é bom as vezes ouvir um programa assim sobre “o nada” haha, cada história uma mais maluca que a outra, muito legal mesmo, dei muita risada com o programa, principalmente com as histórias do Léo!
    Valeu galera
    Abraço

  • Isabella

    Voltei só pra dizer que esse foi um dos Papricasts mais engraçados!
    Parabéns, meninos!!!

  • Mariana

    Dou muita risada com vocês e apesar de ouvi-los a pouco tempo já sou fã do Papricast! Sucesso rapazes!

  • Bia Tomas

    Tenho umah história parecida com a do Jaison, além do bloqueio social eu gaguejava muito quando era pequena e tinha vergonha de pedir para ir no banheiro todos estavam olhando. Era na pré escola e todos estavam na biblioteca e eu morrendo de vontade de ir no banheiro mas ia aguentar até o filme acabar, mas não consegui. O pior é q todo mundo viu e começou a rir. Pior dia da minha infância

  • Frozzzt

    As frases “I made a huge mistake” que rolam no cast… de qual filme é? essa dúvida tá me matando! porque acho que já assisti essa voz feminina… tão familiar… >.<

  • Frozzzt

    Sensacional!

    Lembro de quando criança vomitar no banheiro inteiro da minha tia e ainda eu tinha que ir acordá-la p/ contar esse fiasco!

    Já entreguei uma prova de estatística em BRANCO p/ professor depois 10min chegando à conclusão que era tudo em vão! Isso virou uma estória que o prefessor conta todo semestre na graduação e eu tava na sala quando ele disse, sem saber que era eu.. nussa!

  • Adriana C.Rodrigues

    Eu tenho zilhões de histórias dessas, da infância, de viagem maluca, falar besteira sem pensar e magoar as pessoas então é a minha especialidade, mas vou contar uma de bebedeira. Era um feriado católico, pra chegar no bar precisei andar bem umas 5 quadras na procissão e quase pisei no tal tapete de serragem, pq né? eu tava com pressa, uma conhecida da minha mãe me viu e ficou super feliz de me ver abraçando a religião (hahahha, coitada). cheguei no bar por volta das 4 da tarde e lá pelas 10 da noite resolvemos ir para o apartamento novo da minha amiga para jogar “escravos de jó” com uma cachaça envelhecida que chamávamos carinhosamente de Velho Chico.
    A brincadeira, pra quem não conhece, é aquela de roda, mas as crianças saem da roda quando erram, na versão adulta (inconsequente, bêbada, doida) quem erra tem que virar uma dose do Chico Velho de guerra.
    Quando eu cheguei na 6ª dose avisei que não tava bem, fui zoada e resolvi mostrar minha força, resultado, numa explosão de vômito (te entendo, Léo) sujei a parede e o carpete do apartamento que minha amiga tinha alugado a 1 semana. E pior, vomitei e apaguei, minha amiga me deu banho, querendo me matar ainda cuidou de mim e os meninos limparam a sujeira . Como punição me obrigaram a dormir nesse quarto e a única coisa que me lembro bem é do cheiro. Até hj sou zoada por conta da cebola Odete Roitman que desceu a parede dramaticamente, detalhe; eu não como cebola. Nunca mais comi pizza portuguesa, mas a cachaça rendeu muitas outras histórias depois dessa hahahah.

    abraços piazada

  • Rômulo M. Reinaldo

    Sensacional cast meus queridos. Adorei as histórias e chorei de rir com a do moleque tentando disfarçar um peido. HAIUSHEAIUEHSAIUHEAIUEHASI Eu também tenho várias histórias onde metade delas tem a ver com bebida. shasuahsuahsuahsuahushaushua Tenho uma muito parecida com a do Leonardo. E realmente cara, dá vontade de morrer na hora. Já tive muitos histórias do tipo que eu não gosto nem de lembrar por ser mega constrangedor.Enfim é isso. LOL

  • thalita

    Papricast mais engraçado da vida! XDD

  • Yorhan Araújo

    Nem ouvi ainda, mas só pela imagem da postagem já morri de rir!

  • Claudenir Fonseca

    Mano! Esse Parpicast tá muito afudê! Só de ter rido alto no ponto de ônibus já tenho história pra contar também. Vocês se jogaram na merda dessa vez com vontade e a gente só tem a agradecer. Nada daquela coisa com cara forçada de interpretação do pessoal do JN. Meus parabéns.

    Marton, deixo os meus parabéns também porque você só edita podcast com música excelente.

    Desculpe por não deixar nenhuma história pessoal, mas não estou lembrando nada tão interessante agora.

    Valeu pessoal. parabéns.

    P.s.: Leo, vc é muito irado cara, mas vc é muito fdp tb… Foi mal, só dizendo.

    P.p.s.: Gostei do jogo no final, bem maneiro, mas não coloquem nenhum filme com menos de 15~20 pois queremos evitar spoilers dos semi-clássicos não vistos.

    • Claudenir Fonseca

      15~20 anos*

  • Izidro Correia

    Olá, galera, me identifiquei muito com esse programa, e já o coloquei na lista dos melhores casts!!
    Então, resolvi contar alguns do meus momentos CRTL+Z… Um deles bem similar a epopeia do Léo por um Motel. Só que comigo foi um pouco diferente, pq era véspera do dia dos namorados, então imaginem todos estavam procurando um. Encurtando a história, depois de rodar por um 3 motéis por vagas, desistimos e paramos em um “numa sala de espera” por quartos, com vários casais esperando sua vaga… não preciso nem falar o quanto constrangedor foi aquela situação e que acabamos fazendo até amizades nessa espera!!
    E o momento “erro estúpido de bebedeira”, foi numa tradicional casa de rock aqui no Rio, após algumas doses de tequila resolvi entrar numa rodinha punk… saldo da brincadeira, um óculos e dois dentes quebrados…

  • Lucas da Silva Biava

    Faz pouco tempo que ouço o Papricast e ja sou fã. Parabéns pelo excelente programa.
    Obs. Inutil: Ja morei muitos anos na Vila jardim em Porto Alegre, mas hoje estou no PR.

  • Tiago Aquines

    Dae Marton, tu não tá sozinho nessa!
    Saca só, quando eu era criança e tinha tipo uns 7 anos, eu tava em um aniversário, brincando com a gurizada que eu tinha acabado de conhecer e tava aquela função, ah, esconde esconde, pega pega etc…
    E eu também estava com minhas calças de moletons favoritas e ok, correndo aqui, correndo ali e tava fugindo de alguém por conta de alguma brincadeira e eu me deparei com um muro.
    Não tive dúvida, pulei o muro do prédio!
    Pulei o muro e passei para o outro lado do terreno, mas algo ficou no muro.
    Minhas calças!!!! O muro tinha uma cerca de arame farpado que rasgou todas minhas calças (e eu não me cortei, não sei como) e eu fiquei na pior situação possível para uma criança:
    Sozinho, em um lugar que não conhece, cercado de estranhos e só de cueca!
    Cara.. Eu não sabia o que fazer, prq eu tava no meio da rua, de cueca, em um bairro que eu nunca tinha ido.
    Eu tive que sair caminhando na rua, ir até a portaria do prédio, falar com o porteiro, entrar no prédio e ir até o salão de festa, naquele estado.
    Eu não sei quanto tempo eu levei pra criar coragem e fazer isso, mas acabei fazendo.
    Quando eu entrei no salão de festas naquele estado… Olha, acho que até os bebês riram da minha cara.
    Tive pesadelos depois com isso. Sorte que o aniversariante tinha idade e meu deu umas calças.

  • Ivannildo Neto

    A vida tinha que ser que nem em rpg que vc escreve num livro e dps pode voltar naquele momento

  • http://jefsilva.com.br Jefferson da Silva

    HFuahfuaHUFhUFhaufuagufg
    Ri muito com esse Papricast!

    Temas que são mais “conversa de buteco” são os mais engraçados. Com certeza top Papricast 😀

  • marcio lucena

    “A GAROTINHA RUIVA E MINHA TOSSE ” bom dia , indo na onda de voces eu tambem tenho meu momento “controlz” vamos a minha desinfelicidade ocorreu na 6º serie eu tava em indo em um passeio escolar e como todos os garotos tinha a minha garotinha ruiva , agual eu era apaixonodo , mas como sempre eu era tao azarado que nao tive parceiro para ir e tive que ficar junto com a professora , ate ai tudo bem sentei bem na frente do onibus com a professora e a minha paixonite passou por mim a garotinha ruiva , e eu como um legitimo cavalheiro fui dar bom dia a ela , so que para minha derreta eu tava com aquele tipo de tosse que por aqui camamos de tosse quebrendo aquela que quando vc quer tossi bem baixinho ela vem com força e com aquele som de catarro explodindo tudo , e foi o que me aconteceu tava pertinho dela foi dizer bom e saiu foi aquela maldita tosse , ela me olhou e deu um passo para traz e fez errgui que nojo, isso me matou !! mas nao acabou por ai nao o catarro encheu a minha boca e eu fiquei sem saber o que fazer , ela ali mi olhando eu eu com a boca cheia , a professora falou , vai na janela e cospe e eu fiz isso so que a porcaria do vidro da janela tava fechado e eu nao vi , bom voces ja podem imaginar parecia uma coisa viva e escorrendo pela janela e a minha musa a garotinha ruiva , ficava olhando pra janela e olhava pra mim , meu Deus, como eu queria morrer naquela hora. , bom acho que empatei com o Jaison mijão .

    • Alexandre

      Cara, sem palavras, chorei de rir com sua história. E o fato de ir com a professora de acompanhante foi muito o Mike no filme “Universidade Monstros ” da Pixar.

  • Karla Riet

    “EU MAMO” Santos, Marton – 2015
    Socorro.. Quase explodi tentando rir baixo no trabalho!!! um dia vocês me matam hahahhahahahaha

    • Adriana C.Rodrigues

      e eu quase matei um velho de susto no ônibus, ri de perder o fôlego. Ta aí o meu Ctrl Z dessa semana ouvir Papricast no ônibus, pior que eu sei que vou pagar mico e dou o play mesmo assim.

    • Alexandre

      Papricast dá Justa Causa???

  • Felipe

    Muito foda o programa, mas acho que alguém vai querer dar ctrl+Z nesse programa.
    Como que vocês bipam o nome da guria que o Leo esqueceu de ir no casamento dez vezes e deixam uma no final??
    hahaha

    • Edivaldo F. Alves

      É Fernanda… eles esqueceram um bip.

  • Edivaldo F. Alves

    Então… tenho várias, mas essa é uma q merece mais de um Ctrl+z. Eu trabalhava como ajudante do meu pai que é mecânico de automóveis! Um sábado à tarde, ele já tinha ido embora e eu estava limpando as ferramentas para fechar a oficina e iria jogar bola logo depois. Tanto q meus amigos estavam esperando na frente da oficina e um senhor apareceu, conversou e mandaram elefalar comigo. O sujeito explicou q havia abastecido o carro e não pegava mais.. (era um fusca). Eu não queria, mas o cara chorou q precisava ir embora e eu fui ver… fui lá.. fiz o carro pegar. Então o cara disse q ia viajar e pediu para eu verificar mais uma vez pra não acontecer na estrada. . Eu fiz a verificação tal qual via meu pai fazer e, nesse momento, o motor pegou fogo! Puta correria, gritaria, mas o princípio de incêndio foi controlado! Esse seria meu primeiro Ctrl+z. O cara deixou o carro, foi embora dizendo q voltava na segunda, enfim, td certo… eu olhei pro carro.. o carro olhou pra mim e eu pensei.. (eu tinha uns 16 ou 17 anos)…. vou arrumar esse fusca e vou dar umas bandas lá no colégio q a piazada ta jogando. Arrumei uma mangueiras, uns cabos de distribuição – td improvisado, claro – coloquei no lugar e dei a partida.. no momento q liguei o carro.. olho pra rua o dono do fusca aparece… e começa a correr na minha direção desesperado. olho pelo retrovisor e o fogo já ta lambendo o motor… e dai… não tinha nada q apagava mais o fogo.. areia, terra, água, dois extintores.. nada.. a lataria pegando fogo.. os pneus traseiros começaram a queimar – o tanque tava cheio.. o fogo só parou qdo os bombeiros chegaram.. e nisso já tinha ido meio fusca pro vinagre! E claro q o arrependimento já tava me corroendo! E o medo do meu pai tava maior ainda. Meu pai chegou só a noite. Minha tia e minha avó tentaram livrar a minha cara, mas assumi a bronca esperando q ele fosse falar até meus ouvidos caírem.. mas ele simplesmente sentou no chão e ficou olhando o carro com um olhar desolado… pqp… foi pior do q se ele tivesse brigado comigo.No fim a história meio q deu certo pq o cara tinha seguro e, até onde fui informado, ele mandou guinchar e nunca mais apareceu! Pois é.. essa merecia ou não um Ctrl+Z. Valeu galera! Um abraço!

  • Marcus

    Muito bom o programa.
    Entrou da minha lista dos melhores papricasts.
    Esse esquema de programa em que vocês pegam um tema aleatório que não é necessariamente relacionado e restrito ao cinema, mas sim a vida cotidiana, é sempre bem legal.

  • pablo machado

    Huhuhuhu. To rindo até agora. Este episódio é ótimo.

  • Matheus Ferraioli

    Que saudades de entrar no site do papricast!

  • Edivaldo F. Alves

    Só passei aqui pra comentar q depois q eu ouvir eu comentarei!

  • Rafael Canelas

    Por favor manda um link da cara de coitado em alta resolução. PUFAVÔ!

  • Will

    Isso pra mim se chama “VIVER”. Sou muito sem filtro e um pouco inpulsivo, além de ter uma memória de merda. Junte tudo isso e temos uma vida onde Tudo que eu falo pode ofender sem querer. Sempre vou partir pra cima com muita atitude numa situação em que eu seriamente deveria ter pensado antes. E sempre esqueço as coisas e a fazeres, lembrando sempre quando é tarde demais, só pra sofrer…